Veja se você tem direito ao vale gás 2020

ANÚNCIO

Oh o gás! Mas, ta caro né? Sabia que tem um programa do governo federal para ajudar na despesa do gás de cozinha? O vale gás, antes chamado de auxílio gás entrou em vigor no ano de 2002.

Só em 2019 o preço do gás apresentou uma alta de, aproximadamente, 10% no acumulado do ano. Desse jeito, até faz mais sentido o preço de muitos restaurantes estar subindo, fazer aquele bolo para impressionar a crush vai sair mais caro esse ano.

ANÚNCIO

Mas, pode manter a calma, com o vale gás você vai ter uma ajudinha nessa despesa, o programa que começou durante o governo do Fernando Henrique Cardoso permanece até os dias atuais, embora tenha sofrido algumas mudanças no decorrer dos anos.

Vale Gás
Fonte (Reprodução/internet)

Está curioso para saber se você tem direito ao vale gás? Afinal, um dinheirinho a mais é sempre bom, não é verdade?

Sobre o programa vale gás

O programa vale gás entrou em vigor no ano de 2002 através do decreto 4102/02, na época o nome mesmo era auxílio gás e se tratava de um programa que buscava ajudar famílias com baixa renda a comprar o gás de cozinha.

ANÚNCIO

Bem, assim como os outros programas de distribuição de riquezas que havia na época, o auxílio gás, no ano de 2003, foi integrado ao Bolsa Família, já no governo de Luiz Inácio Lula da Silva e, também, o programa recebeu um novo nome, o vale gás.

Então, em vez de se receber uns R$ 15,00 a cada dois meses para ajudar a comprar o gás, como o programa funcionava antes, o valor será integrado à renda do bolsa família o que, de certa forma, torna mais fácil para o cidadão, afinal, não é mais preciso ir à um monte de órgãos.

Cadastrando no programa

Como ele foi integrado ao Bolsa Família, para receber o benefício você precisa se cadastrar ao Bolsa Família, e para isso é muito simples, basta se inscrever no Cadastro Único, para Programas Sociais do Governo Federal.

O cadastro é de responsabilidade do município, ou do Distrito Federal, sendo assim, para ter seu nome como parte do Cadastro Único, você deverá procurar uma unidade do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social).

Recebendo o benefício

Mas, estar no Cadastro Único não vai garantir que você irá receber os benefícios do Bolsa Família, na realidade, você só irá receber caso seja selecionado pelo processo que é totalmente sem interferência, totalmente informatizado, então não tem como um funcionário beneficiar uma família.

Ah, existe um“pequeno” limite do orçamento no programa em cada região, então é uma quantidade limitada de famílias que são beneficiadas pelo programa, esse limite é determinado com uma relação à expectativa de famílias carentes que vivem na região.

As famílias que recebem do benefício mudam todos os meses e, na hora de receber o dinheiro, o saque pode ser feito em uma agência da Caixa Econômica Federal.

Ok, e quem terá direito?

Quando o vale-gás começou a ser implementado, era necessário que fosse comprovado que a renda da família se restringia à meio salário mínimo, diferente da realidade atual, que a família que deseja receber precisa cumprir os requisitos do programa do Bolsa Família.

Os pré requisitos para receber são:

  • Famílias com uma renda bruta entre R$ 85,01 e R$ 170,00 por mês;
  • Cartão de vacinação das crianças em dia;
  • Frequência na escola;
  • Participação em programas para uma alimentação saudável;
  • As gestantes devem estar em dia com as consultas do pré-natal.

Ainda há mais alguns pontos, contudo, estes são os principais. Então, se você se encaixa nesses pontos e está precisando daquela forcinha com o gás, pode procurar uma agência para solicitar a inclusão no programa.

ANÚNCIO