Trump poderá ser banido do Twitter no dia em que Biden assumir a Casa Branca

Agora que o Colégio Eleitoral votou em Joe Biden para ganhar a eleição de 2020 nos EUA, é certo que ele assumirá a Casa Branca em 20 de janeiro.

Dias contados: no Twitter e na Casa Branca

Os dias de Donald Trump como presidente estão oficialmente contados e há uma coisa que ele preza e que talvez tenha que dizer adeus: Twitter.

Desde a eleição (e mesmo antes), o site de mídia social tem sinalizado repetidamente suas postagens com avisos sobre a precisão dos fatos.

Trump poderá ser banido do Twitter no dia em que Biden assumir a Casa Branca
Foto:(reprodução/internet)

Os tweets de Trump que contêm afirmações completamente infundadas sobre fraude eleitoral e a tentativa do Partido Democrata de ‘roubar a eleição’ não foram removidos, apenas marcados com mensagens sugerindo que poderiam conter conteúdo contestado ou enganoso.

Bônus às pessoas de interesse

Normalmente, postagens como essas de pessoas comuns já teriam banido o usuário, no entanto, como Trump é o presidente, ele pode tweetar o que quiser com pouca impunidade porque é classificado como uma pessoa de interesse.

 

Trump poderá ser banido do Twitter no dia em que Biden assumir a Casa Branca
Foto:(reprodução/internet)

Uma pessoa de interesse deve ter mais de 100.000 seguidores, ser uma conta verificada e desempenhar algum tipo de função governamental ou eleita.

Essa disposição será retirada quando ele entregar as chaves da Casa Branca em 20 de janeiro, quando Joe Biden será empossado como o 46º presidente dos Estados Unidos.

Viabilização da desonestidade

Um porta-voz do Twitter disse à Forbes que Trump terá que seguir as mesmas diretrizes que todos os outros e que não haverá nenhuma “regra especial” para ele.

Trump poderá ser banido do Twitter no dia em que Biden assumir a Casa Branca
Foto:(reprodução/internet)

Trump está tentando contornar essas regras em busca da revogação da Seção 230 do Communications Decency Act, que protege as plataformas de mídia social da responsabilidade pelo conteúdo postado pelos usuários.

Caso isso ocorresse, o Twitter não poderia ser responsabilizado se Trump postasse informações incorretas ou imprecisas.

Beijo de adeus

Claro, Trump poderia simplesmente parar de postar postagens imprecisas, falsas ou enganosas sobre a eleição de 2020 e então ele seria capaz de manter seu perfil intacto.

Leia também: Trump segue insistindo no discurso de ilegalidade da eleição presidencial de 2020

Trump poderá ser banido do Twitter no dia em que Biden assumir a Casa Branca
Foto:(reprodução/internet)

No entanto, se ele continuar em seu caminho de guerra de alegar que houve fraude, sabotagem ou qualquer outra atividade nefasta durante a votação de 3 de novembro, então ele terá que dar um beijo de adeus em seus adoráveis tweets.

Traduzido e adaptado por equipe Jovem Online
Fonte: Ladbible