Público fica indignado com a demissão de apresentadora da Globo, que estava acima do peso

Um dia depois de Michelle Sampaio anunciar foi demitida da Rede Vanguarda por estar acima do peso, a emissora nega que tenha a demitido por este motivo.

ANÚNCIO

De acordo com a Globo, isso não faz parte da “política de respeito” da emissora, porém, a emissora não justificou o motivo da demissão da jornalista, que trabalhava há 16 anos na emissora. “A TV Vanguarda informou que a demissão de Michelle Sampaio teve outro motivo, e que a rescisão do contrato mencionado na reportagem seria uma Fake News e que esta conduta é incompatível com a política de respeito da Rede Globo” diz a Globo na tarde deste Domingo (24) por meio de nota enviada ao Notícias da TV

Público fica indignado com a demissão de apresentadora da Globo, que estava acima do peso
Foto: (reprodução/internet)

Vanguarda diz que não demitiu Michelle por causa do peso, porém, nota não foi convincente

Geovanna de Oliveira Tominaga que passou pela Vanguarda antes de virar repórter do vídeo show e do mais você, se revoltou com a situação e se pronunciou. “Um absurdo priorizarem a estética acima do talento e da competência.

ANÚNCIO

Você é uma grande profissional e isso ninguém tira de você. Sempre admirei o seu trabalho e continuo te admirando ainda mais fora da telinha, porque na real é o que importa”, disse.

Segundo rumores, a pressão que a Globo faz com seus telejornais e repórteres que aparecem nos vídeos, exigem que elas estejam sempre com o peso ideal e seu visual impecável, nunca ninguém comentou algo sobre, mas Michelle decidiu fazer um desabafo em seu perfil do Instagram nesta manhã de sábado (23).

Michelle alegou que foi demitida da emissora por estar acima do peso e não ter conseguido perder os quilos adquiridos durante a sua gravidez em 2016, e que de âncora de telejornal começou a trabalhar nos bastidores até ser demitida de vez.

Michelle então decidiu fazer um desabafo. “como muitos sabem e me acompanham, Há dois anos entrei em uma briga com a balança depois de ter engordado muito durante minha gravidez.

Por estar acima do peso fiquei um bom tempo trabalhando nos bastidores, cheguei a emagrecer um pouco, e a voltar para reportagem e apresentação no jornal, mas sai dos vídeos novamente, porque nunca de fato consegui voltar ao peso de antes da gravidez que foi o pedido da emissora” Para o Jornalista Mauricio Stycer, do Uol, Michelle disse que não acha que sua demissão seria motivo de preconceito.

Apenas que “Eles têm Padrões”. “Acho que apenas poderiam me dar a chance de fazer o meu trabalho”, disse.

Depois do desabafo de Michelle, a ex-colega de emissora Amanda Costa disse que já passou pela mesma situação na Vanguarda depois de sua gravidez. “Sei bem o que ela estava vivendo. Passei por isso quando voltei da licença-maternidade após ter meu filho, tanto que pedi demissão.

E voltei dois anos depois quando estava mais “magra” e mais “apta” para voltar aos vídeos, escreveu Amanda.

Ela ainda citou que elas não foram as únicas a sofrerem este tipo de situação por estarem acima do peso, e que os homens também sofrem este tipo de preconceito. “ Tem o caso, ainda em andamento, da repórter que está fora dos vídeos pelo mesmo motivo. E o do repórter que fez uma cirurgia bariátrica para não perder o emprego.

Tanto tempo passou e a Vanguarda não mudou”, provocou Amanda, sem citar nomes. Michelle foi contratada pela Vanguarda em 2003, depois de se formar em Jornalismo e de fazer um intercâmbio na Nova Zelândia.

Ela se destacou na cobertura esportiva de times na região de São José dos Campos e Taubaté, e rapidamente cresceu na emissora, tornando-se a apresentadora da TV 2ª edição, além de ser repórter e fazer entrevistas para a Vanguarda comunidade.

Fora da Vanguarda, Michelle pretende se dedicar à Comunicarte, especializada em treinamento, comunicação e gestão sócio ambiental. Michelle é sócia-Proprietária da empresa. E comemora que vai ter mais tempo para ficar com a filha, Antonella.